Técnica de Sobrevivência: Cálculo I

Imagem
Atualmente as redes sociais, por meio de meme, difundem a dificuldade clássica para a maioria dos estudantes que iniciam um curso superior na área de exatas.


A dificuldade está em passar na disciplina de Cálculo, mais precisamente não Cálculo I, base de todo curso de exatas.


O conceito de Cálculo na matemática é muito diferente aquele atribuído por uma pessoa no seu cotidiano. Trata-se de ferramenta matemática que permite estudar diversos fenômenos e eventos que ocorrem em determinadas situações.


Para seu estudo e compreensão é necessário o domínio de conceitos de Álgebra, Geometria Analítica, Funções e Trigonometria.



Se o leitor está pensando em realizar um curso na área de exatas, pode ser relevante aos seus estudos, realizar uma Avaliação Diagnóstica, para analisar seus conhecimentos nestas quatro áreas.


Em seus livros James Stewart, costuma disponibilizar, logo de inicio, uma avaliação deste tipo. Que tal realizar esta avaliação? Lembre-se que é sempre bom estar preparado.�…

Questão 49 – Vestibulinho Etec – Centro Paula Souza – 2° Semestre de 2.016


A colisão de um veículo em movimento contra um muro envolve a perda de energia cinética. Esta perda constitui uma grande preocupação da indústria automobilística, que projeta veículos capazes de, em um acidente, dissipar, gradativamente, essa energia.



Comparando-se dois carros do mesmo modelo, com massas iguais e sob o ponto de vista de um mesmo referencial terrestre, um movendo-se com velocidade de 10 m/s e o outro com velocidade de 20 m/s, a energia cinética contida no carro mais veloz é




(A) um quarto da energia cinética do mais lento.

(B) a metade da energia cinética do mais lento.

(C) igual à energia cinética do mais lento.

(D) o dobro da energia cinética do mais lento.

(E) quatro vezes a energia cinética do mais lento.


Solução: (E)


Utilizando a equação mostrada no enunciado, temos:


(i) para o carro 1:


$E_{C1}=\frac{m\cdot 10^{2}}{2}=\frac{100\cdot m}{2}=50\cdot m\;\left [ Joules \right ]$


(ii) para o carro 2:


$E_{C2}=\frac{m\cdot 20^{2}}{2}=\frac{400\cdot m}{2}=200\cdot m\;\left [ Joules \right ] $


Analisando observamos que: $E_{C2}=4\; \cdot \; E_{C1}$.


Então a energia cinética do carro mais veloz é quatro vezes a energia cinética do carro mais lento.



***

Não se esqueça que a matemática está em todo lugar! Aprecie!







Postar um comentário

Latex Editor (Equações Matemáticas)

Postagens mais visitadas deste blog

Teste de Inteligência?

Qual é a diferença entre um Número e um Algarismo?

Adição ou Subtração de 2 Frações: o Método da Borboleta

Seguidores

Google+ Followers